sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Em São João del-Rei, agosto não é mês do desgosto!

Agosto, em São João del-Rei, não é mês do desgosto. Se por um lado, enfraquecido, um frio de inverno ainda corta a pele com orvalhos noturnos e neblinas matinais; se em certos dias o céu mais se revolta e o ar - agitado em ventania enfurecida - anuncia que está perto a temida noite de São Bartolomeu, por outro, para aliviar, a fé anima a alma e o espírito. Mais uma vez espalha na terra são-joanense um clima serenamente festivo, que perpassa o oitavo mês do ano.

Festa do Bonfim, Festa da Boa Morte, início da Festa do Senhor dos Montes. Ipês amarelos, orquídeas de penca, perfume de flor de laranjeira saltando por cima de velhos muros. Música barroca de orquestras setecentistas, marchas e dobrados de bandas centenárias - tudo se juntando nas ruas estreitas e nos largos. Em São João del-Rei, agosto não é apenas o mês dos cachorros loucos,  que também existem aqui e, urbanos, são mais violentamente perigosos.

Em nossa cidade, principalmente naquela que existe dentro de nós e na qual gostaríamos de viver, agosto é tempo de re-vivificar o passado e re-viver o presente, recordando doces e antigas lembranças. Serão elas, as lembranças, que florescerão em setembro, trazendo a tão sonhada primavera.
..........................................................................
Imagem de abertura: foto reproduzida de
   http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=238912  

Nenhum comentário:

Postar um comentário