terça-feira, 22 de novembro de 2011

Em São João del-Rei, quem clareia o dia é sempre a clave de sol...


Nesta terça-feira, 22 de novembro, a 30a Semana da Música de São João del-Rei chega ao final, com uma merecida homenagem a Santa Cecília - padroeira da Música e dos músicos. Foram nove dias de intensa programação, composta por dezesseis eventos culturais - retretas, concertos, missas barrocas, tríduo e procissão, da qual participaram duas orquestras bicentenárias, a centenária Banda Theodoro de Faria, a quase centenária Sociedade de Concertos Sinfônicos e diversas corporações musicais são-joanenses remanescentes do século XX ou criadas no século atual.

Folheando o livro Efemérides de São João del-Rei, mais precisamente a página 485 do volume 2, vemos que, em 1966 a cidade começou um movimento cultural, focado na música, de finalidade muito semelhante à que se propõe a Semana que nesta terça-feira se encerra. Era o Festival de Música de São João del-Rei, organizado pelo Serviço de Recreação e Turismo da Prefeitura Municipal. Também a data de sua realização coincidia com a do evento atual: a semana do dia 22 de novembro, dedicado a Santa Cecília.

A programação brindava a população são-joanense com música erudita e popular de qualidade, em operetas, missas, concertos e retretas que reuniam as orquestras Lira Sanjoanense e Ribeiro Bastos, a Banda Theodoro de Faria, a Sociedade de Concertos Sinfônicos, alunos e professores do Conservatório Padre José Maria Xavier. Como convidados na primeira e segunda edição do Festival, participaram a corporação Lira Ceciliana, de Prados, a Banda do Batalhão de Guardas da Guanabara,  o Coral da Universidade Federal de Juiz de Fora, a Sociedade Musical Carlos Gomes, de Santos Dumont, e o Balé Musical do Teatro Francisco Nunes, de Belo Horizonte.

Segundo o historiador Sebastião Cintra, autor da obra citada como referência deste post, participação destacada no Festival tiveram os músicos são-joanenses e cidadãos devotados que, nos anos sessenta e setenta, davam vida e dinamismo ao universo cultural de São João del-Rei. Só para citar alguns nomes, como exemplo: Djalma Tarcísio de Assis, maestro Pedro de Souza, Domingos Cirilo Assunção, Benigno Parreira, Sílvio de Araújo Padilha, Mercês Bini Couto.
............................................................................
Leia também
http://diretodesaojoaodelrei.blogspot.com/2011/04/o-pai-da-musica-vive-em-sao-joao-del.html
http://diretodesaojoaodelrei.blogspot.com/2011/11/uma-semana-de-musica-e-de-nove-dias-em.html

Um comentário:

  1. Olá Antônio Emílio, adorei seu resgate sobre o Festival da música, mais uma informação preciosa que descubro aqui. Sobre a 30ª Semana da Música, pude acompanhar todas as apresentações e se quiser ilustrar sua matéria com alguma foto do evento, coloco algumas que fiz à sua disposição. Um abraço e até mais http://www.facebook.com/media/set/?set=a.147020712066571.22188.100002759288615&type=3

    ResponderExcluir