domingo, 3 de julho de 2011

"A Senhora é Morta!" - Toque de sinos que só se ouve em São João del-Rei

 A linguagem dos sinos de São João del-Rei, por sua profusão, criatividade e complexidade, destaca-se muito ante os toques que ainda são executados em outras cidades coloniais mineiras. Dobres, tencões, terentenas, floreados, repiques e muitos outros ritmos executados no alto das torres são-joanenses transmitem mensagens e emoções, que vão do trágico ao festivo, do grave ao alegre, do alerta à meditação, do convite e chamado ao alarme e consternação.

Entre os vários toques dos sinos de São João del-Rei, o repique "A Senhora é Morta" é considerado dos mais belos. Executado unicamente na Matriz do Pilar, nas celebrações da morte de Nossa Senhora, quando começa a Vigília da Assunção. É tocado de hora em hora, a partir das 6 horas da manhã, no dia 14 de agosto - em honra de Nossa Senhora da Boa Morte -, até a hora do Glória da missa cantada no dia 15 de agosto, reverenciando a assunção de Nossa Senhora.

Segundo o Pequeno Glossário da Linguagem dos Sinos, é um toque exclusivamente são-joanense, não encontrado em outras cidades, e tem até autor: quem o compôs foi o escravo Francisco, propriedade da senhora Ana Romeira do Sacramento.

Ouça e veja, abaixo, o repique "A Senhora é Morta", executado pelos sineiros da Matriz do Pilar de São João del-Rei, em 2010.
............................................................................
Fonte: Santa Rosa Bureau Cultural. Pequeno Glossário da Linguagem dos Sinos, pag.70. 2006.

Nenhum comentário:

Postar um comentário