quinta-feira, 3 de maio de 2012

São João del-Rei no Dia de Santa Cruz

Três de Maio, Dia de Santa Cruz. Nos dias atuais, a tradição de pendurar, nesta data, cruzes enfeitadas de papel colorido repicado e flores na porta principal das casas do centro histórico de São João del-Rei aos poucos vai se apagando. Em alguns becos escondidos e nos bairros mais afastados, assim como na área rural, isso não só ainda acontece quanto faz parte - autenticamente - do calendário cultural daquela comunidade.

O desbotamento desta tradição seria apenas mais um sinal da modernidade, não representasse esse esvaecimento sinal de  grandes perdas. Perda da disposição de tornar especial o que é comum. Perda da vontade de assinalar a passagem do tempo com marcos pequenos porém significativos. Perda da capacidade ver em tudo motivo de festa. Perda da oportunidade de tornar célebre o que é rotina. Perda do entusiasmo que colore o dia a dia.

Pela religiosidade que caracteriza esta forma cultural de expressão, a Igreja bem  poderia estimular e apoiar seu resgate. Do mesmo modo, as entidades e instituições culturais ligadas ao fazer artesanal, às artes plásticas e outras linguagens visuais bem poderiam promover oficinas práticas, palestras e outros eventos de valorização do Dia de Santa Cruz.

Pensando nisto, Tencões & terentenas relembra, nos links abaixo, alguns posts que trataram deste assunto em 2011.

http://www.diretodesaojoaodelrei.blogspot.com.br/2011/05/dia-de-santa-cruz-pode-ter-mais-cor-em.html

http://www.diretodesaojoaodelrei.blogspot.com.br/2011/05/no-dia-de-santa-cruz-as-cruzes-de-sao.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário